20 julho 2018

Sobreviva aos Primeiros Meses de Casamento




Por isso deixará o homem a seu pai e a sua mãe, e unir-se-á a sua mulher,

E serão os dois uma só carne; e assim já não serão dois, mas uma só carne.
Portanto, o que Deus ajuntou não o separe o homem.  Marcos 10:7-9




Esse versículo é coisa mais linda e romântica, chega da um suspiro ao ler.
Mas e na prática nada separa?
Use a sua imaginação..
...Pensa comigo....
Salão, bolo, vestido, doces diferentões, convites e toda aquela magia dos preparativos para o grande dia. O casamento.
Pronto, aconteceu!
A festa foi maravilhosa, alguns penetras, um trocado legal da gravata e sapato, divisão da comida que sobrou com os parentes e borá para a lua de mel no nordeste.
Não poderia ser melhor, muito amor ♥♥
Ahh, à volta para o novo lar, tudo cheirando a novo, aquela expectativa de uma vida como a cinderela que casa com o príncipe, aliais ninguém fala qual a técnica que eles usaram para o “felizes para sempre” hahahah. Só em contos de fadas mesmo!!!
Sendo sincerona, acredito que geralmente após uns 6 meses o casal realmente começa a se conhecer, não adianta ter 10 anos de namoro, somente com a convivência diária (rotina do casamento) para conhecer os 99% da pessoa porque sempre tem aquele 1% hahaha, to brincado (antes que os XiitasSauros me deem pedradas).

Passei por essa fase, punk. Não tive muitas instruções e como uma amiga, hoje estou aqui para digitar algumas informações que talvez possa ajudar um pouquinho.
Vamos lá ♥
Não fale absolutamente nada se estiver muito nervosa.
Você pode se arrepender de algumas palavras ditas no momento de stress.
Não grite com o outro, não ofenda e nem humilhe. Respeito sempre!
Admita os erros cometidos e peça desculpas.
Não é fácil admitir, mas a humildade gera um benefício imenso para o relacionamento.
Não deixe a terceira colher invadir seu espaço!
Não pode existir umas terceira pessoa, é uma dulpla não um trio.
Não vá dormir com ressentimento do outro
Ore juntos, fale com Deus.






Sei que no calor do momento são muitas emoções a flor da pele, mas tente ao máximo se policiar, pois nervosa você não vai conseguir nada ao contrário pode piorar.
Quando sentir vontade de chutar o balde, encha a boca de água rs, ou seja, respira e não fale mais nada.


Casamento é como frescobol, um jogo que os parceiros se esforçam juntos para não deixar a bola cair.  Helena Tannure 

Não desista!

Gostou do post ?
Deixa seu comentário.

beijo

Nenhum comentário:

Postar um comentário